SENNA: UMA PASSAGEM ENGRAÇADA ENVOLVENDO PROST

Era segunda-feira 24 de maio de 1993 , um dia após a espetacular conquista do Ayrton em Monaco, registrando o recorde de 6 vitórias na mais glamorosa  de todas as corridas do mundo ! E tinha sido uma vitória particularmente difícil pois, no treino livre quinta-feira  , ele bateu forte e machucou feio o polegar esquerdo – era canhoto ). Depois de quase 48 horas sob os cuidados de seu fisioterapeuta  pessoal , o austríaco Joseph Leberer – com um coquetel de cremes , gelo e massagens – . Ayrton estava pronto para pista. ( esta foi uma corrida extraordinária e eu vou escrever mais sobre ela em algum momento )

Senna and Prost face to face

Senna e Prost. eu vejo as farpas. Photo F1 banter

Voltemos para segunda-feira. Londres. Ayrton me ligou à tarde ; tínhamos combinado de nos falar mais para que eu poder escrever minhas colunas para o Japão e o Brasil .

Ayrton : “Oi Betise , tudo bom ? Preciso de um favor ”

Betise : ” Ah, é mesmo? ! Pensei que nós iríamos falar mais sobre a corrida ” , eu respondi rindo

Ayrton : ” Bem, isso também. Vamos conversar num McDonalds ” ?

Betise : “O quê? ! Tá brincando , certo? Você quer ir ao McDonalds e me arrastar também? Mesmo voce sendo meu chefe acho que é pedir um pouco demais” , ainda rindo , mas nem tanto!

Ayrton : “Não, não é para mim ! Adriane quer comer um Big Mac , você acredita nisso? ”

Betise : “É claro que acredito . O que não posso crer  é que você esteja preparado para ir hahahah . Vou trazer minha câmera e fazer você autografar a foto para a posteridade “, ri mais alto ainda.

Senna : “Ok, muito engraçado. Onde é o McDonalds mais próximo? Estou no Berkeley. Podemos nos encontrar lá e falar sobre o fim de semana , enquanto Adriane come  seu hambúrguer ”

Meia hora depois , nos encontramos no McDonalds da Kings Rd, subimos as escadas e entramos na fila .Era por volta de 15:00 , não tinha muita gente, mas eu percebi que  Ayrton estava com a  cara de ” oh , não, as pessoas estão começando a me reconhecer , eles vão me rodear e o  meu excelente humor vai desaparecer ” . Eu estava preparada para o pior. Mas … ninguém o reconheceu. ” Oh não , isso poderia ser o pior! ” , Pensei, rindo.

Chegou nossa vez. O cara atrás do balcão ficou olhando para Ayrton , depois para mim. Pro Ayrton e  para mim.

” Não o  reconheço de algum lugar?” , Disse ele para mim, mas apontando para Ayrton .

“Bem, eu não sei. Reconhece? ” , Eu respondi.

” Sim, sim , eu sei, ele é aquele piloto de corrida” , ai ele teve seu momento eureka . Ayrton e eu olhando para ele. “Eu sei, eu sei …. ( cavovaca o seu cérebro ) …….. Alain Prost ! ”

Ainda consigo escutar o meu próprio riso ! ! Eu simplesmente explodi de rir . Nem mesmo a expressão nada feliz na cara do Ayrton me fez parar. Não durou muito, ainda bem. . A deliciosa sensação de vitória em Monte Carlo e a companhia da feliz  Adriane prevaleceu. E ele se juntou a mim numa risada gostosa – eu ainda não tinha conseguido parar !

Ele viu o lado engraçado da história. Mas comentou assim mesmo. ” Caramba … eu ganhei ontem, pela 6 ª vez . Em Mônaco ! ” . Todos nós rimos ainda mais alto !

Eu ainda moro perto daquele McDonalds e passo por lá praticamente todos os dias. Pena que eu não tenha levado minha  câmera. Bem, eu era valente- . Ainda sou. Mas não tão  valente.

About Betise Assumpcao Head

Communicator, specialized in Media Relations, Reputation, Crisis Management, corporate or individual. I started as a Sports Journalist (7 years, Mains newspapers and magazines in Brazil) turned into World Wide Press Officer (Senna 1990/1994), been to Games in Barcelona Atlanta, London & Rio 2016. Italy, Germany & Brazilian World Cups.

11 responses to “SENNA: UMA PASSAGEM ENGRAÇADA ENVOLVENDO PROST”

  1. Ana says :

    Hahaha Hilário ! Adoramos as suas recordações.

    Like

    • Betise Assumpcao Head says :

      Que bom! Dificil re contar situações engraçadas, ne’? quando a gente as vive e’ bem diferente. Obrigada.

      Like

      • Betise Assumpcao Head says :

        HAHAHAHA. Também tenho historias de pessoas importantes que levei no Carpaccio. Uma vez levei 3 ex campeões de F1 de uma vez só. Keke Rosberg, Jody Scheckter, Damon Hill e mais David Coulthard. Sem contar Falcão, Rai e Galvão. E voce, claro, Paulo!! Assim mesmo o Carpaccio fechou. hahahaha

        Like

  2. marthasimoes says :

    ai, essa alternativa foi ainda pior de todas. hahaha.
    pergunta q não quer calar: vcs falaram para o atendente q aquele era o Senna ou deixaram por isso mesmo?

    Like

  3. paulo says :

    Bem, se eu soubesse teria pedido pra vc me levar lá e nao no Carpacio.

    Like

  4. Diego Grilli says :

    Betise, meu nome e Diego….e eu particularmente adorei a historia…principalmente contada de alguem q era querida do Ayrton e q teve o prazer de compartilhar momentos assim, do Ayrton pessoa….parabens q Deus sempre ilumine seus caminhos…um grande abras

    Like

  5. Elma Oliveira says :

    Betise, amei a história e imagino a cara do Ayrton ao ser confundido com o Prost pq os dois sequer se pareciam fisicamente hahaha. E tb gostei dele ter ido ao Mcdonalds mesmo sem gostar pq a Adriane queria ir lol.

    Like

  6. Cecília Mendes says :

    Aaaai, como é bom ler esse tipo de história do nosso grande ídolo Ayrton Senna, que privilegio você teve em conviver de tão pertinho assim com ele.

    Like

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: